logo
Avatar Image
Bem vindo!Entre ou cadastre-se
Botão para o topo da página

Qual a função da vesícula no organismo?

A vesícula possui uma função importante no nosso organismo, mas é preciso ficar atento quando perceber sinais de que algo não está bem.

18 out.

Sua Saúde

Escrito por Saúde iD

shutterstock_739789339_1_111fa030e4.jpeg
URL copiado

A vesícula, também chamada de vesícula biliar, é um órgão em formato de bolsa localizada acima do fígado que faz parte do sistema digestório. Sua principal função é concentrar e armazenar a bile.

A bile é um líquido que é produzido pelo fígado e armazenado na vesícula, e é constituída por diversas substâncias como água, colesterol, sal biliar, imunoglobulinas, entre outras. E é essencial para a digestão e absorção de gorduras e vitaminas.

Ao ingerir qualquer alimento, o fígado libera a bile para dar início à digestão. Quando existe algum problema com a vesícula, todas essas substâncias sofrem um desequilíbrio, e isso pode acarretar em cálculos ou pedras na vesícula.

Em caso de suspeita de problema de pedra na vesícula, é necessário buscar ajuda profissional para que seja feito o diagnóstico corretamente e o tratamento possa ser iniciado rapidamente. Nesses casos, é recomendado consultar um clínico geral, para uma avaliação não somente desse caso, mas também para realizar uma avaliação completa da saúde do paciente.

Os principais fatores relacionados a problemas na vesícula dizem respeito ao estilo de vida e hábitos alimentares do paciente, que podem influenciar em um caso mais leve ou mais grave.

Quais as causas e sintomas de problemas na vesícula?

Dieta rica em gorduras, obesidade e sobrepeso e vida sedentária, são alguns fatores que influenciam no aparecimento de problemas na vesícula.

Principais causas

Uma dieta rica em gorduras e com pouca ingestão de fibras dificulta o processo de digestão. A bile é responsável pela digestão dessa gordura mas, quando em excesso, não consegue realizar o processo completamente, facilitando a formação de pedras.

Pessoas que estão com sobrepeso ou obesas, geralmente, possuem taxas altas de colesterol LDL, que é o colesterol ruim. Dessa forma, a bile não consegue dissolver todo esse colesterol, favorecendo a formação de pedras na vesícula.

A prática de atividade física ajuda em todo o funcionamento do nosso corpo. Pessoas que são sedentárias e não fazem nenhum tipo de exercício físico, favorecem o acúmulo de gordura na região abdominal. Por consequência, também aumenta as taxas de colesterol, e podem surgir pedras na vesícula.

Principais sintomas

Os principais sintomas de problema na vesícula, geralmente, são dor do lado direito do abdome, principalmente após ingerir alimentos gordurosos, enjoos e principalmente vômitos, seguidos de febre acima de 38ºC e dor de cabeça.

Principais problemas que afetam a vesícula

As maiores causas relacionadas a problemas na vesícula estão relacionadas à alimentação. Por isso manter uma alimentação balanceada e rica em fibras, além de melhor hábitos de vida, como a prática de exercícios, podem ajudar.

Pedra na vesícula

A pedra na vesícula, também chamada de colelitíase, ocorre quando há cristalização da bile, dentro da vesícula, que forma pequenas pedras, obstruindo a saída da bile para o intestino, e isso pode ocasionar em dor.

Além disso, caso a pessoa permaneça muito tempo em jejum, a bile permanece um longo período na vesícula, não cumprindo sua função que é de digerir a gordura dos alimentos. Dessa forma, também pode ocorrer a formação de pedra na vesícula.

Vesícula preguiçosa

Conhecida como vesícula preguiçosa, ela ocorre quando a vesícula não libera bile suficiente para digerir a gordura dos alimentos, que pode causar sensação de estômago cheio, mesmo que tenha comido pouco. Também pode causar excesso de gases, inchaço e azia.

Colecistite

A colecistite ocorre quando há uma inflamação causada por pedras ou tumor na vesícula. Ela provoca dor mais intensa do lado direito da barriga, febre, náuseas e vômito. Se houver maior sensibilidade ao palpar o abdome, é necessário buscar atendimento o mais breve possível para iniciar o tratamento e evitar que o problema se agrave.

Refluxo biliar

Quando a bile presente na vesícula é liberada para o intestino e retorna para o estômago ou esôfago, é chamado de refluxo biliar ou refluxo duodenogástrico. Esse retorno da bile aumenta o pH, que é a acidez presente no organismo, e provoca alterações e inflamações nas mucosas do estômago.

Sintomas que há algo errado com a sua vesícula

A dor na vesícula também pode ser confundida com dor de estômago, já que ficam localizados próximos um do outro. Essa dor pode ser um desconforto momentâneo, que dura apenas alguns minutos, ou pode persistir por várias horas.

Mesmo que possa ser confundida com uma dor de estômago, a dor relacionada a problemas na vesícula é mais intensa do lado direito, que pode ser seguida de alguns outros sintomas.

  • Dor abdominal do lado direito após uma refeição, principalmente se for gordurosa;
  • Febre;
  • Enjoo e vômitos;
  • Pele e olhos amarelados;
  • Diarreia e excesso de gases;
  • Perda de apetite.

Em muitos casos, alguns problemas podem ser resolvidos com o uso de medicação e acompanhamento médico. Mas, caso o médico julgue necessário, pode ser recomendada uma cirurgia para a retirada da vesícula.

Apesar de possuir uma importante função no nosso organismo, não existe nenhum dano para a saúde e bem estar do paciente após o procedimento, e ele pode seguir uma vida normal.

Acompanhe a Saúde iD no Facebook e Instagram para ficar por dentro de todos os nossos conteúdos e receber mais informações como essa.

*** Todas as informações contidas aqui são de caráter informativo, não devendo ser utilizado como diagnóstico ou substituição de uma consulta com médico especialista.

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

URL copiado

A vesícula, também chamada de vesícula biliar, é um órgão em formato de bolsa localizada acima do fígado que faz parte do sistema digestório. Sua principal função é concentrar e armazenar a bile.

A bile é um líquido que é produzido pelo fígado e armazenado na vesícula, e é constituída por diversas substâncias como água, colesterol, sal biliar, imunoglobulinas, entre outras. E é essencial para a digestão e absorção de gorduras e vitaminas.

Ao ingerir qualquer alimento, o fígado libera a bile para dar início à digestão. Quando existe algum problema com a vesícula, todas essas substâncias sofrem um desequilíbrio, e isso pode acarretar em cálculos ou pedras na vesícula.

Em caso de suspeita de problema de pedra na vesícula, é necessário buscar ajuda profissional para que seja feito o diagnóstico corretamente e o tratamento possa ser iniciado rapidamente. Nesses casos, é recomendado consultar um clínico geral, para uma avaliação não somente desse caso, mas também para realizar uma avaliação completa da saúde do paciente.

Os principais fatores relacionados a problemas na vesícula dizem respeito ao estilo de vida e hábitos alimentares do paciente, que podem influenciar em um caso mais leve ou mais grave.

Quais as causas e sintomas de problemas na vesícula?

Dieta rica em gorduras, obesidade e sobrepeso e vida sedentária, são alguns fatores que influenciam no aparecimento de problemas na vesícula.

Principais causas

Uma dieta rica em gorduras e com pouca ingestão de fibras dificulta o processo de digestão. A bile é responsável pela digestão dessa gordura mas, quando em excesso, não consegue realizar o processo completamente, facilitando a formação de pedras.

Pessoas que estão com sobrepeso ou obesas, geralmente, possuem taxas altas de colesterol LDL, que é o colesterol ruim. Dessa forma, a bile não consegue dissolver todo esse colesterol, favorecendo a formação de pedras na vesícula.

A prática de atividade física ajuda em todo o funcionamento do nosso corpo. Pessoas que são sedentárias e não fazem nenhum tipo de exercício físico, favorecem o acúmulo de gordura na região abdominal. Por consequência, também aumenta as taxas de colesterol, e podem surgir pedras na vesícula.

Principais sintomas

Os principais sintomas de problema na vesícula, geralmente, são dor do lado direito do abdome, principalmente após ingerir alimentos gordurosos, enjoos e principalmente vômitos, seguidos de febre acima de 38ºC e dor de cabeça.

Principais problemas que afetam a vesícula

As maiores causas relacionadas a problemas na vesícula estão relacionadas à alimentação. Por isso manter uma alimentação balanceada e rica em fibras, além de melhor hábitos de vida, como a prática de exercícios, podem ajudar.

Pedra na vesícula

A pedra na vesícula, também chamada de colelitíase, ocorre quando há cristalização da bile, dentro da vesícula, que forma pequenas pedras, obstruindo a saída da bile para o intestino, e isso pode ocasionar em dor.

Além disso, caso a pessoa permaneça muito tempo em jejum, a bile permanece um longo período na vesícula, não cumprindo sua função que é de digerir a gordura dos alimentos. Dessa forma, também pode ocorrer a formação de pedra na vesícula.

Vesícula preguiçosa

Conhecida como vesícula preguiçosa, ela ocorre quando a vesícula não libera bile suficiente para digerir a gordura dos alimentos, que pode causar sensação de estômago cheio, mesmo que tenha comido pouco. Também pode causar excesso de gases, inchaço e azia.

Colecistite

A colecistite ocorre quando há uma inflamação causada por pedras ou tumor na vesícula. Ela provoca dor mais intensa do lado direito da barriga, febre, náuseas e vômito. Se houver maior sensibilidade ao palpar o abdome, é necessário buscar atendimento o mais breve possível para iniciar o tratamento e evitar que o problema se agrave.

Refluxo biliar

Quando a bile presente na vesícula é liberada para o intestino e retorna para o estômago ou esôfago, é chamado de refluxo biliar ou refluxo duodenogástrico. Esse retorno da bile aumenta o pH, que é a acidez presente no organismo, e provoca alterações e inflamações nas mucosas do estômago.

Sintomas que há algo errado com a sua vesícula

A dor na vesícula também pode ser confundida com dor de estômago, já que ficam localizados próximos um do outro. Essa dor pode ser um desconforto momentâneo, que dura apenas alguns minutos, ou pode persistir por várias horas.

Mesmo que possa ser confundida com uma dor de estômago, a dor relacionada a problemas na vesícula é mais intensa do lado direito, que pode ser seguida de alguns outros sintomas.

  • Dor abdominal do lado direito após uma refeição, principalmente se for gordurosa;
  • Febre;
  • Enjoo e vômitos;
  • Pele e olhos amarelados;
  • Diarreia e excesso de gases;
  • Perda de apetite.

Em muitos casos, alguns problemas podem ser resolvidos com o uso de medicação e acompanhamento médico. Mas, caso o médico julgue necessário, pode ser recomendada uma cirurgia para a retirada da vesícula.

Apesar de possuir uma importante função no nosso organismo, não existe nenhum dano para a saúde e bem estar do paciente após o procedimento, e ele pode seguir uma vida normal.

Acompanhe a Saúde iD no Facebook e Instagram para ficar por dentro de todos os nossos conteúdos e receber mais informações como essa.

*** Todas as informações contidas aqui são de caráter informativo, não devendo ser utilizado como diagnóstico ou substituição de uma consulta com médico especialista.

Comentários (0)

Escreva seu comentário

Nome

Concordo em salvar minhas informações, tendo o conhecimento que meu comentário estará sobre análise.

Assine nossa newsletter com conteúdo exclusivo.

Posts relacionados

Posts relacionados

ContrasteReset